Conversação em inglês: Confira 6 Dicas de como praticar!

Especialista reúne ações práticas para melhorar o “speaking” mesmo em tempos de isolamento social

Muitas pessoas estão aproveitando a quarentena para desenvolver o inglês. 

Desde o início da pandemia, a EF English Live, maior escola de inglês online do mundo, observou um aumento de 40% no número de alunos ativos, sendo que 50% deles apresentaram progresso nos níveis do idioma. 

No entanto,  muitas pessoas que dizem estudar inglês,, na hora de falar, conseguem pronunciar nem uma palavrinha.

Isso significa que é preciso praticar a conversação que, em inglês, o famoso “speaking”.

Essa habilidade, junto com “writing” (escrita)“listening” (escuta) e “reading” (leitura), formam os quatro pilares do idioma e são os principais focos de quem quer aprender inglês.

E como treinar essa habilidade específica, se o aluno não encontra gringos todos os dias virando a esquina da sua casa?

Pensando nisso, Nicole Bleidorn, especialista em conteúdo da EF English Live listou seis dicas de como treinar a conversação.

Sugestões de mudanças simples na rotina de estudos  podem dar aquele up no seu inglês e ajudar a nunca mais travar. Are you ready” (você está pronto)?

Number 1: Vá sem medo

Nicole comenta que muitos alunos relatam que têm medo de falar inglês. Seja por receio de errar ou por acharem que serão motivo de piada.

“O professor existe  para garantir que isso não aconteça. Assim como quando alguém de fora vem falar em português com a gente, e nós fazemos de tudo para entender a pessoa, isso também acontece quando falamos em inglês com um nativo”, explica.

Segundo ela, o ideal é que, de desde a primeira aula, se tente formar frases curtas – e que vá construindo orações mais complexas conforme aprende.

“Esse treinamento é ideal para, além de perder o medo de falar,  o aluno fixe melhor o que está aprendendo”, completa.

Number 2: Insira o inglês no seu dia a dia

Você já deve ter ouvido que, quando pensa em inglês, fica mais fácil falar o idioma.

A especialista confirma: “Imagina comigo: primeiro você vai formular a frase em português, depois vai traduzir palavra por palavra para o inglês, e só daí vai dizer em voz alta a mensagem que pretendia.

Leva muito tempo, não é? Por este motivo, pensar direto em inglês é tão importante”, diz. Mas como? Ela orienta: inserindo o idioma cada vez mais na sua rotina.

“Experimente trocar a língua do seu aparelho para o inglês, por exemplo. Como você já conhece os comando praticamente “by heart” (de cor), não vai sentir tanta dificuldade em seguir com as atividades do seu dia a dia, mesmo que não conheça todo o vocabulário”, orienta.

Dessa forma, enquanto estiver mandando mensagens no Whatsapp ou postando aquela selfie no Instagram, você vai ter contato com o idioma e planejar sua próxima “action” (ação) em inglês. A mesma dica vale para todas as redes sociais. 

Consumir mais conteúdo no idioma também é uma boa alternativa. Jornais, revistas, filmes e séries podem ser grandes aliados para inspirar a ter conversas em inglês, deixando seu vocabulário cada vez mais rico.

Number 3: tire todas as suas dúvidas

Segundo a especialista, quanto mais você souber sobre a construção de determinada frase, mais fácil vai ser falá-la. Por isso, é importante tirar todas as dúvidas sempre.

“Lembre-se que não existem perguntas desnecessárias quando você está aprendendo um novo idioma”, aconselha.

Number 4: converse com seus amigos

Nada melhor do que ter os amigos do nosso lado quando estamos aprendendo uma coisa nova.

No inglês, não é diferente. “É comum ter alguém no seu círculo de amizade que também está aprendendo – por que não propor para essa pessoa que vocês pratiquem juntos?”, propõe Nicole.

Trocar mensagens, áudios, e-mails. A ideia  é treinar junto e variar o assunto. Vale qualquer tema: time do coração, aquela série que vocês amam,  o importante é praticar.

Number 5: aumente seu vocabulário

Mais uma dica que vai deixar você mais seguro na hora de falar: o vocabulário.

“É muito mais fácil conversar sobre um assunto que você sabe conhece um bom número de palavras relacionadas”, garante a especialista.

Para enriquecer seu portfólio de palavras, a especialista aconselha usar diversos recursos ao seu favor, como os citados na dica número 2, dicionários, pesquisas. Quanto mais fontes, melhor.

Para memorizar seu vocabulário novo, ela indica  recorrer ao velho caderno de inglês- um fiel escudeiro na hora de aprender. Ele ajuda a guardar melhor todo o vocabulário que você aprendeu, além de ser fácil de consultar sempre que precisar.

Number 6: coloque seu inglês em prática

Segundo Nicole, a palavra de ordem é prática. “Você não vai sair da sua primeira aula de inglês falando como um nativo, mas é colocando tudo que aprendeu em prática, sempre que puder, que vai alcançar a fluência que sempre sonhou”, garante.

Expressões para ajudar a praticar sua

Quando estiver conversando em inglês com alguém, mesmo que não saiba palavra por palavra, normalmente é possível entender pelo contexto geral. Mas se ficar na dúvida, a especialista aconselha usar e abusar de frases como:

“Sorry, I didn’t understand that.”

(Desculpe, não entendi o que você disse.)

“Could you repeat it, please?”

(Poderia repetir, por favor?)

“Could you speak a little slower/louder?”

(Poderia falar um pouco mais devagar/alto?)

“Could you explain it again?”

(Poderia explicar novamente?)

Use essas expressões, entre outras possibilidades, sempre que precisar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *