Covid: 47% dos grupos prioritários já foram vacinados

atingiu uma marca importante na luta contra a Covid-19: mais de 50 milhões de doses de imunizantes já foram aplicadas desde o início da campanha, vacinando cerca de 47% dos grupos prioritários estabelecidos no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19.

Ampliar o acesso da aos é prioridade do Governo Federal para o enfrentamento da pandemia. Até esta sexta-feira (14/05), mais de 83,9 milhões de doses já foram distribuídas para todos os estados e Distrito Federal.

Neste momento, três vacinas estão em uso na campanha e o Governo Federal trabalha, incansavelmente, nas tratativas com vários laboratórios, garantindo a diversidade de imunizantes para o País.

Até agora, os já foram imunizados com 46,7 milhões de doses da Coronavac/Instituto Butantan, 35,4 milhões da AstraZeneca/Fiocruz e 1,6 milhão da Pfizer/BioNTech. Só nos últimos sete dias, foram 9,4 milhões de vacinas enviadas para todo o país.

O total de vacinas já enviadas pelo Ministério da a todos os estados, possibilita imunizar, com primeira e segunda dose, 100% dos trabalhadores de saúde, de idosos (com 60 anos ou mais) e deficientes (com mais de 18 anos) que vivem em instituições, indígenas que moram em aldeias, todos os idosos acima de 60 anos, povos e comunidades tradicionais ribeirinhas e quilombolas.

Neste momento, a distribuição de novos lotes de vacinas está destinada para a proteção de profissionais de forças de salvamento, segurança e Forças Armadas, além de pessoas com comorbidades, priorizando a faixa etária.

A estratégia de distribuição de vacinas Covid-19 é revisada semanalmente em reuniões entre Governo Federal e representantes das secretarias estaduais e municipais de saúde, observando as confirmações do cronograma de entregas por parte dos laboratórios. O é garantir a cobertura do esquema vacinal no tempo recomendado de cada imunizante.

O Ministério da reforça para que a população tome a segunda dose da vacina, mesmo que a aplicação ocorra fora do prazo recomendado pelo laboratório, assegurando a proteção adequada contra a doença.

A evolução da campanha de vacinação contra a Covid-19 pode ser acompanhada pela plataforma LocalizaSUS.

Fonte: Ministério da

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *