Fisioterapia preventiva: Aliada na promoção da saúde e essencial para o home office

A população, mais uma vez, enfrenta uma nova onda da pandemia e, com o cenário, muito temos ouvido falar de cuidados e medidas de prevenção.

O que grande parte das pessoas não imagina é que a  também pode ser preventiva e uma forte aliada na melhora do sistema imunológico em tempos de coronavírus.

O especialista e professor do curso de Fisioterapia da Universidade Cruzeiro do SulMárcio Fernandes da Cunha, há anos, entende que a prevenção visa promover a de indivíduos que não necessariamente apresentam alguma comorbidade. 

No caso da , a prática pode ser feita em qualquer idade, tendo determinada patologia ou não, e o foco é manter o afim de evitar possíveis doenças, lesões musculoesqueléticas que atingem em massa uma população sedentária, que não expõe seu corpo a movimentos, exercícios e alongamentos.

Segundo o professor, nos últimos anos, vem crescendo cada vez mais a busca pela Fisioterapia Preventiva a favor da longevidade com qualidade de vida e, mais recentemente, tem aumentado a procura por atendimentos à distância.

“Muitas pessoas, principalmente jovens adultos e idosos, tem tido mais consciência de que é possível viver mais e melhor com bons hábitos de vida em todas as fases, preservando, sobretudo, a sua mobilidade.

Por esse motivo, a técnica objetiva o alongamento, o fortalecimento e o relaxamento muscular, sem a obrigatoriedade de uso de aparelhos ou aparatos específicos”, relata Márcio.

Ainda, de acordo com o , além de ser ideal para duração da vida, a Fisioterapia Preventiva ajuda a evitar o agravamento dos sintomas em pacientes não só do coronavírus, mas também a hipertensão, diabetes, doenças cardíacas, hérnias de disco, osteoporose, tendinites e atrofia muscular.

“A pratica das técnicas e atividades regulares proporciona movimento ao corpo, e induz melhorias no funcionamento do sistema imunológico, que está totalmente ligado a ação que o organismo terá com o vírus e à ouras doenças.

Por esta razão, indivíduos que praticam técnicas de prevenção costumam ter grandes vantagens também no combate ao Covid-19, sem sintomas graves, uma vez que seu corpo está melhor condicionado para doença”, reforça.

Nesse momento, em que as pessoas estão mais tempo em suas casas, a Fisioterapia Preventiva também se mostra essencial para o , principalmente em casos de adequação da postura.

“O número de pessoas que apontam dores relacionadas nas costas aumentou bastante durante a pandemia, muito em razão, do ambiente de trabalho adaptado em casa e que nem sempre têm a cadeira correta, mouse e teclado, apoios para o pé, visor a altura do olho e à um braço de distância.

Estes são exemplos de orientações dadas e também fiscalizadas por profissionais da fisioterapia e que contribuirão para a prevenção de problemas físicos e futuras doenças, devido a movimentos repetitivos no uso do computador, por exemplo”, alerta o professor Márcio.

Algumas empresas têm incentivado a técnica da ginástica laboral, que é uma prática eficiente na melhoria da disposição e rendimento, e pode ser feita antes de iniciar a jornada de trabalho, nos momentos de pausas e ao finalizar o expediente.

“Está relacionado a alongamentos com breves repetições que levam em torno de 10 a 15 minutos, e proporcionam relaxamento, diminuição do estresse e evitam doenças causadas pela má postura.

Parece pouco tempo por dia, mas é de grande valia para a manutenção da saúde e de uma maior qualidade de vida”, finaliza.

Por fim, o especialista orienta que os interessados em iniciar a prática da Fisioterapia Preventiva devem procurar um profissional da área de Fisioterapia, para obterem um pleno acompanhamento e ministração das técnicas de prevenção a doenças adequadas a cada paciente.

Por Universidade Cruzeiro do Sul 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *