Muito mais que Animações: Empatia e Cultura

de animação são muito mais complexos do que parecem. Exigem técnicas modernas e demandam anos de produção.

Graças ao constante avanço da tecnologia a criação de personagens que podem expressar emoções bem próximas às humanas tornam-se reais.

Mas na verdade, nem sempre são essas expressões que farão a conexão. O contexto, os dubladores e outras tantas técnicas têm dado conta muito bem.

Claro que quando trata-se de cinema, falamos em um conjunto de coisas que devem trabalhar juntas, história, música, personagens, fotografia e etc.

A questão é, se tem um segmento da sétima arte que sabe entregar muito bem a sua mensagem é a animação.

Na lista abaixo, crianças e adultos conheceram culturas e o valor de sentimentos como amizade e empatia da forma mais incrível que poderiam.

Portanto, estoure sua pipoca, fique confortável e prepare-se para conhecer um pouco sobre o mundo e a vida com personagens como Buzz LightYear, Stich, Kung-Fu Panda e mais!

ToyStory 

Os personagens interpretados por brinquedos, representam figuras bem reais para os americanos e tornam-se uma divertida jornada pela do Tio Sam.

Woody: cowboy, xerife do condado, e o Buzz LightYear inspirado no segundo homem a andar na lua, o astronauta da Apollo 11Buzz Aldrin, junto com toda a galera ao longo das 4 produções, ensinam inúmeras reflexões como o valor da amizade, como lidar com a frustração, aceitação, amor próprio e o poder de propósito.

Lilo e Stitch 

Se seu sonho é conhecer o Hawai, o estranho, mas extremamente cativante Stitch e sua amiga Lilo farão um tour, com direito a trilha sonora de Elvis Presley.

Lilo é uma garotinha que vive com a irmã mais velha pois acabaram de perder os pais, tá aí uma lição sobre resiliência. Lilo sofre bullying e encontra em Stitch, que na verdade é um extraterrestre disfarçado de cachorro, um tremendo amigo para aprender a ser forte. 

Assim como Lilo, Stitch que é diferente passa a ser julgado e é aí que a empatia entre os dois cresce, além claro do senso de família. Ohana!

Kung Fu Panda 

As famílias podem ser diferentes, e com muitas pessoas, o que importa é o amor! Provavelmente esta é a melhor mensagem de Kung Fu Panda.

Poucos se lembram, mas o estabanado urso é criado pelo protetor pai ganso! Na terceira sequência do filme, Po conhece seu pai biológico e seu amor fica maior ainda.

Ambientado na China os cenários e elementos chineses tradicionais trazem uma verdadeira bagagem cultural ao espectador.

Rio 

É uma verdadeira imersão cultural ao Brasil, mais propriamente dita ao Rio de Janeiro.

A animação aborda temas extremamente importantes como o tráfico de animais silvestres, reencontros, o valor da amizade e o descobrimento do verdadeiro amor.

Tudo com muita música, bom humor e charme de Blu, Jade, o descontraído e carismático Nico, Linda e Tulio.

Por Daniel Bydlowski é membro do Directors Guild of America e artista de realidade virtual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *