O valor do seguro dos carros mais vendidos no Brasil

Nove dos dez veículos da lista registram queda no preço do seguro para homens e mulheres; Kwid tem a cotação média mais barata para o público masculino e KA para o feminino

A Minuto Seguros, uma das principais corretoras do País e líder no segmento de seguros online, acaba de realizar um estudo com base na lista divulgada pela Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores) com os carros mais vendidos no Brasil em maio.

O Onix, da Chevrolet, permanece na liderança do ranking dos carros mais vendidos do Brasil, apesar de continuar com o número de vendas bem abaixo do que apresentava até antes do início da pandemia de coronavírus. Em maio, foram 3.286 unidades comercializadas, a menor marca do ano até aqui. 

Com relação ao preço médio do seguro do Onix, o modelo foi um dos integrantes do Top 10 a registrar a maior queda nos valores em comparação a abril, tanto para homens quanto para mulheres.

Para o público feminino, o preço foi 21% menor, já que passou de R$ 1.966, no quarto mês do ano, para R$ 1.553, em maio. Já para os homens, o seguro do Onix ficou 18,7% mais barato, saindo de R$ 2.279 para R$ 1.852. 

Pelo segundo mês consecutivo, o HB20 ficou com apenas atrás do Onix em quantidade de veículos comercializados. No que diz respeito ao preço do seguro, para ambos os públicos houve uma redução acentuada.

Em maio, os homens pagam 16% a menos do que em abril, enquanto a queda de valor para as mulheres fica em 23,5% de um mês para o outro. 

Pela primeira vez em 2020, o Kwid ficou entre os três carros mais vendidos do Brasil. A melhor notícia, no entanto, fica para os proprietários do mini-SUV da Renault, que pelo segundo mês seguido registrou o preço do seguro mais barato para o público masculino: R$ 1.764, que ainda foi 5,7% menor do que a cotação média de abril.

As mulheres também pagam menos do seguro do Kwid em comparação ao mês anterior, algo em torno de 7,7%

Seguro do Gol fica até 26% mais barato em maio; Corolla também registra queda considerável no preço médio das cotações

Habituado a figurar entre os 10 carros mais vendidos do Brasil, o Gol, que terminou o mês na sétima posição, registrou uma queda acentuada no valor médio do seguro, em especial para os homens.

Em maio, o preço entre as capitais cotadas ficou em R$ 1.978 contra os R$ 2.677 registrados em abril, uma redução de 26%. Já o público feminino paga 17,4% a menos do que no mês anterior.

Destaque para a queda ainda maior no Rio de Janeiro para ambos os públicos: em maio, o seguro do Gol ficou 46% mais barato para eles e 40,3% para elas na capital carioca, que registrou reduções consideráveis para pelo menos outros seis modelos do ranking.   

Fora da lista nos três primeiros meses do ano, o Corolla voltou a figurar entre os 10 carros mais vendidos do Brasil pelo segundo mês consecutivo. O sedã da Toyota ficou com a décima colocação no ranking e também registrou uma redução acentuada no valor do seguro para homens e mulheres.

Para eles, o preço médio ficou 22% menor do que em abril, o que significou uma queda de quase mil reais, já que passou de R$ 3.947 para R$ 3.077. Para o público feminino, o seguro ficou 16% mais barato, levando em conta a média das cotações entre as capitais cotadas.

Presente entre os três primeiros colocados no ranking dos mais vendidos de outubro de 2019 até janeiro de 2020, o KA não para de cair no Top 10 e terminou maio na quinta posição.

Já no que diz respeito ao preço médio do seguro, há motivos para celebrar, especialmente as mulheres, que viram por mais um mês o hatch da Ford apresentar o seguro mais barato para o seu perfil: R$ 1.402, que ainda foi 14,5% menor do que o registrado em abril. Para os homens, houve redução de 2,7%. 

O Onix Plus, que no mês anterior havia sido o terceiro carro mais vendido, ficou na sexta colocação em maio.

Assim como a maior parte dos veículos presentes na lista, o sedã da Chevrolet apresentou redução no valor médio do seguro: ficou 5,8% mais barato para os homens e 16% mais em conta para as mulheres. 

Oitavo colocado no ranking dos mais vendidos em maio, o Polo volta a figurar no Top 10 após ter ficado de fora em abril. O modelo da Volkswagen também teve redução no preço do seguro para homens e mulheres: 10% e 1,7%, respectivamente.

O Argo, que ficou em quarto lugar na lista, seguiu tendência de queda para elas, já que o seguro ficou 2,3% mais barato para o público feminino, e se manteve no mesmo patamar para o masculino, com uma leve variação de R$ 3 para baixo. 

Fechando o ranking está o Tracker, da Chevrolet, único modelo a registrar aumento na cotação média em comparação a abril, no caso, para as mulheres. A elevação no preço para elas foi de 7,2%. Já para os homens houve queda de 1,5%.  

Médico de carro com estetoscópio em uma sala de exposições Foto gratuita

Análise do preço do seguro dos mais vendidos

O preço médio do seguro de todos os 10 veículos da lista entre as capitais cotadas em maio foi de R$ 2.185 para os homens, cerca de 14,2% mais barato do que o registrado em abril.

Para as mulheres, considerando este quesito, o valor médio foi de R$ 1.848 e representou uma queda de 12,2% em comparação ao mês anterior. 

O valor médio do seguro mais barato para o público masculino, em maio, ficou com o Renault Kwid. No levantamento realizado, os homens pagam R$ 1.764. Enquanto isso, o posto de valor médio do seguro mais alto ficou com o Corolla: R$ 3.077.

Para as mulheres, o menor preço médio do seguro registrado em janeiro foi o do Ford KA: R$ 1.402. O mais caro foi, assim como para o público masculino, o Corolla: R$ 2.883.  

Para realizar o estudo, a Minuto Seguros considerou como perfil um condutor homem e uma condutora mulher, de 35 anos, ambos casados. Foram avaliados os preços dos seguros em cinco capitais: São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR) e Recife (PE)

Quem paga menos pelo seguro?

Dentro destes perfis mencionados, o preço do seguro para o Polo é o que apresenta a menor diferença entre as capitais cotadas para homens. O valor mais alto está em Belo Horizonte, com R$ 2.159, e o menor no Rio de Janeiro, por R$ 1.911, uma distância de R$ 248. No contraponto de diferença de valores, ainda citando o público masculino, o Corolla é o que possui a maior diferença entre estados: R$ 978. A mais alta no Rio de Janeiro, R$ 3.459, e a menor em São Paulo, com R$ 2.480. Para os homens, São Paulo é a cidade com seguro mais barato: seis dos dez carros.

Nos seguros com valores mais altos, Belo Horizonte é a cidade que detém os maiores preços: sete dos dez modelos. A capital paulista registrou o menor preço entre todos os modelos cotados no perfil masculino: R$ 1.637 para o Kwid. O preço médio do seguro para homens, em São Paulo, para os 10 carros mais vendidos é de R$ 2.010. Já no Rio de Janeiro, o valor é de R$ 2.173.

Agora, falando no perfil feminino, o Gol é o que apresenta a menor diferença entre as capitais cotadas, com uma diferença de R$ 414, do valor mais alto, que está em Curitiba, com R$ 1.921, para o mais baixo, que está em São Paulo, com R$ 1.507. Em outra comparação, o Onix Plus ficou com a maior distância de valores: R$ 1.205. A maior no Rio, com R$ 2.397 e a menor, em Curitiba, com R$ 1.192. No âmbito do público feminino, Curitiba também é a cidade com o seguro mais barato: seis dos dez carros. Já os valores maiores estão concentrados no Rio de Janeiro: seis dos dez veículos cujo seguro tem maior preço ficam na capital carioca. O menor valor entre todos os modelos e capitais cotados no perfil feminino ficou com Curitiba: R$ 1.029 para o KA. O preço médio do seguro em São Paulo, para as mulheres, ficou em R$ 1.733 e no Rio de Janeiro, R$ 2.090.

A Minuto Seguros é uma corretora de seguros que possui um site de interface simples, com navegação segura e rápida, além de uma organizada estrutura de equipe de atendimento com consultores especializados e preparados para oferecer suporte por telefone, e-mail, WhatsApp ou presencial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *